× página inicial sobre narradores colabore republique

Encontrar e narrar as histórias que deveriam, mas não estão sendo contadas, são a principal ambição do jornalista e fotógrafo.

Incapaz de se dedicar a apenas uma das paixões − a foto e a escrita − Gustavo Basso se dedica sobretudo a grandes coberturas, um percurso que iniciou em junho de 2013 com os protestos que ficaram conhecidos como “Jornadas de Junho”, passando pelas tragédias de Mariana e Brumadinho, até chegar à pandemia da covid-19.

Formado em 2011 pela USP, passou pelas redações da Globo, UOL e R7 antes de ser freelancer. Ao longo desse percurso, venceu o 20º Concurso Latino-Americano de Fotografia Documental, em 2014, e tem fotografias publicadas nos principais veículos do mundo.